Sleepless de Terri Clark

-
Pessoal, começou ontem o Desafio de Férias do Garota It, porém eu estava esperando o post no blog da Pâm pra adicionar o link da resenha e tal, mas nem vi, então estou postando hoje.
Eu já li o meu primeiro livro deste mês de Dezembro.

Sinopse:
Trinity Michaels de dezoito anos tem a habilidade de caminhar nos sonhos. É um poder que ela não quer, mas altera sua vida para sempre quando ela se torna incapaz de encontrar uma adolescente raptada antes de ela ser morta. Ela ajuda a policia a capturar o assassino Rafe Stevens, mas seu envolvimento faz dela um alvo.
Stevens apela para a insanidade e com uma atuação convincente ajudado por um advogado desprezível, consegue uma sentença em um instituto mental, onde um medico diabólico passa a fazer experiências nele. Agora Rafe escapou do hospital e ele esta atrás da Trinity. Como ela, ela agora também tem uma habilidade especial, uma que permite que ele persiga Trinity através dos sonhos. Se ele a matar enquanto ela dorme, ela ira morrer de verdade. Para sobreviver ela precisa encontrá-lo primeiro e a única pessoa disposta a ajudá-la é Dan Devlin, o filho desiludido do inescrupuloso advogado que conscientemente ajudou Rafe á fugir da acusação de assassinato. Ela poderá confiar sua segurança em Dan, sem mencionar seu coração?

Não queria começar a minha resenha um tanto negativa, mas não encontrei outra alternativa.
Eu desejei abandonar o livro várias vezes, as coisas aconteceram muito rápidas e o final bastante previsível. Eu esperava muito mais do livro. Ainda não li Wake da Lisa McMann, mas pela sinopse dá pra ver que ambos são semelhantes, não só pelo fato das protagonistas poder entrar nos sonhos de outras pessoas. Em Sleepless, Trinity pôde prever que Kiri seria morta, porém ela não chegou a tempo de poder salvá-la. O assassino é Rafe Stevens, o cara que foi dado como um esquizofrênico. Não posso falar muito do enredo do livro, porque eu logo soltarei spoiler. Não posso considerar esse livro um dos melhores, e acho que uma (nota 3), ele merece.
Nas horas que deveriam ter suspense, não senti esse clima e eu totalmente tentei me aprofundar na história e tentei ter um pouco dos personagens em mim, mas não deu certo. O Dan, dava pra ver as qualidades dele, mas a autora não fez ele para as leitoras se apaixonarem, como em muitos livros. Ele foi como um personagem comum, - sabe daqueles que quase não aparecem no livro? - então, dá uma sensação disso nele. Houve algumas perguntas que surgiram durante o livro que não tiveram respostas, como as ligações que Dan fazia, eu não sabia se o que ele disse pra Trinity era verdade ou mentira. Mas enfim, eu recomendaria para aqueles que querem ter uma experiência literária diferente, se alguém estiver disposto... E, o final do livro dá uma sensação que vem continuação por aí, mas eu realmente não sei. Se tiver uma continuação, pode ser que  a qualidade dele melhore.

1 comentários:

Gina Martins disse...

...e para baixar de graça,
http://portugues.free-ebooks.net/ebook/Sleepless

sempre ás ordens! :D

Postar um comentário